Buscar
  • Giulianno Molina

Tireoide e alimentação


Entre as várias razões que desencadeiam problemas na tireoide, destacamos a presença de dietas desequilibradas.

A falta de nutrientes como o selênio, zinco e raramente o iodo, bem como o excesso destes minerais (principalmente de iodo através da ingestão excessiva de sal iodado ou por gotas da solução de Lugol) são os principais motivos pelos quais muitos brasileiros desenvolvem doenças associadas a ingestão inadequada de alimentos importantes para regular o bom funcionamento tireoideano.

Alimentos que contribuem para o BOM FUNCIONAMENTO da tireoide:

Iodo: peixes do mar, algas marinhas, camarão, ovo;

Destaques:

• Algas marinhas são uma fonte riquíssima de iodo e ainda oferecem uma quantidade considerável de selênio, nutrientes fundamentais para a produção de hormônios pela tireoide.

• O óleo de peixe também é rico em iodo. O consumo recomendado é de 120 g de peixe três vezes por semana.

• O iodo também pode ser encontrado em opções vegetais, como a chia e a linhaça.

Zinco: ostras, carne, sementes de abóbora, feijão, amêndoa e amendoim;

Selênio: castanha-do-pará, farinha de trigo, pão e ovo;

Destaque:

• Rica em selênio e ômega-3, uma gordura poli-insaturada, a castanha-do-pará fornece nutrientes que servem de matéria-prima para a produção de hormônios pela tireoide.

Ômega-3: abacate, óleo de linhaça e peixes ricos em gordura, como salmão, sardinha e atum;

No Brasil, o sal de cozinha recebe adição de iodo em quantidade padronizada, uma medida utilizada para prevenir problemas de tireoide, como o bócio. Porém, se ingerido em excesso, pode contribuir para lesionar as células da tireóide, desencadeando assim a Tireoidite Autoimune (Hashimoto), com efeitos a longo prazo de Hipotireoidismo e até Câncer de Tireoide.

Alimentos que podem DESREGULAR a tireoide se consumidos em excesso e exclusivamente:

A soja e seus derivados (leite e tofu), mandioca, nabo, rabanete, brócolis, couve, couve-flor, repolho, espinafre e agrião podem contribuir para desregular a tireoide porque inibem a absorção de iodo, material necessário para a produção do hormônio tireoideano. Porém, o risco está mais associado a um histórico familiar de problemas na tireoide ou ao consumo inadequadamente balanceado.

Em tratamento para doença tireoideana com reposição hormonal:

Pessoas em tratamento de insuficiência da tireoide devem evitar consumir, em período próximo ao da ingestão do medicamento, alimentos ricos em cálcio, como leite e derivados, e suplementos de ferro, pois eles podem diminuir a absorção e o efeito do remédio.

É importante lembrar que para o tratamento de doenças funcionais da tireoide, normalmente são utilizados medicamentos específicos indicados pelo médico, que controlam os sintomas e normalizam as dosagens nos exames de sangue. Deve-se sempre atentar para o uso correto destes e na dúvida, procure seu médico.

#tireoide #cancer #câncer #alimentaçãoetireoide #iodo #saliodado #dieta #alimentaçãobalanceada #selênio #zinco #minerais #doençatireoide #bomfuncionamentotireoidiano #malfuncionamentotireoidiano #peixe #castanhadopará #algasmarinhas #omega3 #hipotireoidismo #hipertireoidismo #medicina #dicadesaúde #câncertireóide

43 visualizações

Telefones para contato: 

(11) 2592-8130 • (11) 2592-8056 • (11) 99788-2552

Endereço: R. Maestro Cardim, 560 - conjunto 24 - Edifício Office Paulista - Bela Vista - São Paulo - SP - 01323000

  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
whatsapp.png