Buscar
  • Giulianno Molina

Mulheres e o câncer na tireoide


Hoje gostaria de falar da atenção que, principalmente as mulheres, devem ter em relação ao câncer de tireóide.

Mulheres tem três vezes mais chances de desenvolver esse câncer, do que homens, com proporção de 9 para 1. 65% dos casos acontecem entre os 25 e 50 anos.

Mas como se prevenir? Simples, faça exames regulares na tireóide.

O câncer de tireóide pode ser detectado principalmente por ultrassonografia, ocasionalmente por tomografia ou ressonância e pela palpação da glândula tireóide.

Além disso, procure se auto examinar. Examine a parte dianteira do pescoço, na frente do espelho, buscando notar inchaços ou nódulos na parte da frente, inferior e lateral do pescoço.

Passe a mão na região abaixo da laringe (pomo-de-adão) e veja se detecta pontos mais duros ou arredondados. Perceba ainda se você tem rouquidão, dificuldade para engolir, dores na região da garganta e perda ou ganha de peso significativa (5 a 8kg).

A maioria dos casos é detectado quando a pessoa vai ao médico devido a um nódulo ou caroço no pescoço. Porém, a boa notícia é que 90% dos casos são benignos e não cancerosos.

E mesmo na detecção do câncer, se for precoce, as chances de cura e controle são altas.

Por isso, ao perceber qualquer alteração citada, não se assuste e procure um especialista.

#cirurgiãocabeçapescoço #câncertireóide #gânglios #tireoide #tumor #bolinhagarnganta #nódulostireóide #tireóide #câncer #cabeça #autoexame #tomografia #ultrassonografia #ressonância #glândulatireóide #nódulosgarganta #nódulosnopescoço #nódulosparótida

4 visualizações

Telefones para contato: 

(11) 2592-8130 • (11) 2592-8056 • (11) 99788-2552

Endereço: R. Maestro Cardim, 560 - conjunto 24 - Edifício Office Paulista - Bela Vista - São Paulo - SP - 01323000

  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
whatsapp.png